Fatores Antinutricionais – o inimigo invisível na ração de leitões

Quase todas as matérias-primas para alimentação animal contêm fatores antinutricionais, especialmente materiais vegetais. Os alimentos com altos níveis de fatores antinutricionais podem ter efeitos adversos no desempenho da produção e na saúde de animais e aves. Embora os produtos de soja sejam fonte de proteína alimentar mais abundante atualmente, eles contêm uma variedade de fatores antinutricionais, o que pode levas a diarréia alérgica e até a morte de leitões. Fator anti-nutricional – o inimigo invisível na alimentação de leitões. Do que se trata? Substâncias que interferem negativamente na absorção de elementos essenciais para nutrição animal

1
Fatores antinutricionais
no farelo de soja

 

Fatores antinutricionais são substâncias que têm efeitos adversos na digestão, absorção e uso de nutrientes na alimentação animal. Atualmente, fatores antinutricionais comuns na produção real incluem inibidor de protease, ácido fítico, ácido tânico, micotoxina, etc. Eles destroem ou dificultam a digestão e o uso de nutrientes e afetam o crescimento de leitões.

O farelo de soja é usado principalmente como alimento protéico para os suínos. Embora seja nutritivo, contém muitos fatores antinutricionais, incluindo principalmente fatores antinutricionais não proteicos (como ácido fítico, oligossacarídeo) e fatores antinutricionais protéicos (como inibidor de tripsina, proteína antigênica de soja, urease). Diferentes fatores têm diferentes efeitos.

[Sugestão]  Otimizar a fórmula para garantir que a quantidade de farelo de soja para alimentação de leitões não exceda 15%.

2
Os efeitos de altos níveis de
fatores antinutricionais

Alimentos com palatabilidade ruim podem diminuir o apetite dos leitões. A ingestão de ração será prejudicada, o crescimento estagnará, podendo piorar a diarréia. Melhorar a palatabilidade da alimentação é a maneira mais direta e eficaz de melhorar a ingestão de alimentos, mas há muitos fatores que afetam a palatabilidade, tais como: sabor da alimentação, fatores antinutricionais, deterioração do alimento, ingredientes, processamento não criterioso, etc.

Alimentos com palatabilidade ruim reduzem o apetite dos leitões

O ácido tânico, inibidor de protease e aglutinina vegetal são fatores antinutricionais típicos. Os fatores podem afetar o sabor da ração e diminuir o apetite dos leitões. Além disso, esses elementos podem se combinar com enzimas digestivas e nutrientes no corpo de leitões, secretar substâncias irritantes e afetar a digestão de proteínas.

[Sugestão] Realizar a transição do equilíbrio entre a alimentação por fluência e a alimentação de leitões de alta qualidade, através da otimização da fórmula e processamento criterioso. Eliminar os fatores antinutricionais de acordo com as condições locais e a situação real.

 

3
Como eliminar fatores antinutricionais

Os principais métodos para eliminar fatores antinutricionais e reduzir a urease no farelo de soja são os métodos físicos, químicos e biológicos. Atualmente, a tecnologia de expansão da alimentação de leitões de Zhengchang se tornou a solução líder do setor.

 

4
Como a tecnologia de expansão elimina
os fatores antinutricionais?

Permite que os materiais sejam totalmente condicionados, sob alta temperatura e umidade, através de uma forte ação especial de extrusão e cisalhamento em espiral, para formar condições de curto e médio temperatura (90-130 ℃), para expandir completamente os materiais, matar microorganismos nocivos e destruir ou passivar os fatores antinutricionais nas matérias-primas e vincular os materiais em fatias ou pedaços.

Vantagem do uso do Expander de ração para leitões

  • Utilizado para a produção de ração de qualidade para leitão de  7 a 21 dias.
  • Eliminar fatores antinutricionais nas matérias-primas, reduzindo a atividade da enzima urease no farelo de soja.
  • A ração não ocasiona diarréia,  taxa de sobrevivência.
  • Mantenha a atividade das substâncias funcionais nas matérias-primas, perceba o valor da fórmula nutricionista, faça com que a alimentação dos leitões tenha um sabor bem parecido com “pasta de arroz”. Sem calor interno excessivo, maior taxa de crescimento.
  • A ingestão total de ração é aumentada para 525-700g no estágio de alimentação lenta. A capacidade de absorção do trato digestivo do leitão pode ser aprimorada. Os leitões desmamados na fase de alimentação lenta podem aumentar seu peso com 1 kg e os porcos podem aumentar 10 kg.

A tecnologia de alimentação de leitões expandida patenteada pela ZHENG CHANG  já foi implementada em muitas grandes empresas como CHIA TAI CONTI, Wens, CP Foods, Nova Esperança, ZHENG HONG, HAID, AO NONG, Continental Grain, Kingsino, COFCO.

[Case 1] Kingsino

No total, 6 linhas de produção de ração para leitões de alta qualidade. Kingsino atingiu os requisitos de listagem dentro de 3 anos após a conclusão das linhas de alimentação.

[Case 2] Zhenghong
A exclusiva tecnologia de alimentação expandida para leitões ajuda a romper o gargalo da produção e a criar uma linha de produção para a felicidade. Tecnologia e equipamentos diferenciados contribuíram para seu crescimento adicional de vendas.

[Case 3] Zhengda
A ração com textura biscoitos produzido pela tecnologia de expansão se tornou mais popular entre muitos produtores. Boa palatabilidade, alta ingestão de ração, mais digestibilidade, rápido ganho de peso. A ração de biscoitos possibilitou vantagens competitivas e maior margem de lucro.

Fatores anti-nutricionais têm grande efeito no estresse imune e no metabolismo. Se conhecermos o conteúdo de fatores antinutricionais nas matérias-primas para alimentação animal, podemos reduzir e evitar os efeitos negativos causados ​​por eles, utilizando a tecnologia da fórmula, processamento do expander , na combinação de enzimas.